>

22 de abr de 2018

[Poesia] PEDRO LUSO – Homenagem a Borges




HOMENAGEM A BORGES
PEDRO LUSO DE CARVALHO



De algum planeta, feito de poesia,
desceu mui suave no solo argentino
nave de luz, a conduzir raro ser,
que tinha por nome Jorge Luis Borges.

Poeta agudo, pleno de humanidade,
Borges contista com os seus labirintos,
longos voos no céu da mitologia,
leitor fiel, intenso, a garimpar sonhos.

Os olhos de Borges viam tão só brumas,
ausentes os seus dias claros de sol,
mas nele ficou uma luz intensa na alma
a clarear o caminho em que trilhava.




*  *  *




41 comentários:

  1. Dentro de sua cegueira havia muita luz e sabedoria! Linda poesia e homenagem! abração,chica

    ResponderExcluir
  2. Don Pedro:
    uno de los grandes poetas.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  3. Un gran hombre me imagino, no conozco su poesía, con lo cual voy a buscar algún poema suyo, una feliz semana.

    ResponderExcluir
  4. Muito bom :)) Parabéns.

    Hoje:- Meus olhos vagueiam em teus lábios
    .
    Bjos
    Votos de excelente Segunda -Feira

    ResponderExcluir
  5. Muito bom o poema de homenagem a Jorge Luis Borges, esse magnífico escritor que toca a nossa sensibilidade com os seus poemas e as suas ficções.
    Uma boa semana, meu Amigo Pedro.
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  6. Una splendida dedica poeta, fatta con l'anima e tanta spontaneità...
    Un caro saluto, Pedro,silvia

    ResponderExcluir
  7. Magnifica homenagem ao poeta Jorge Luis Borges.
    Bjs amigo Pedro e uma linda semana.
    Carmen Lúcia.

    ResponderExcluir
  8. Boa tarde!

    Excelente homenagem!! Parabéns. Amei! :)

    Beijo e uma excelente semana.

    ResponderExcluir
  9. Precioso homenaje y admirable Borges. Me encanta tu poema lleno de sensibilidad.
    Abrazos

    ResponderExcluir
  10. Hola Pedro, buenos días.
    Me encanta Borges, habría que estar todos los días haciéndole homenajes.
    Gran escritor y hombre.
    Feliz semana.
    Un abrazo grande.

    ResponderExcluir
  11. Merecido homenaje, a un gran hombre. Preciosos poema.

    Besos

    ResponderExcluir
  12. Un precioso y merecido homenaje.
    Es inolvidable.
    Un beso

    ResponderExcluir
  13. GRANDE BORGES!!!!
    ABRAZOS

    ResponderExcluir
  14. Boa memória num chão de cravos

    ResponderExcluir
  15. Linda e merecida homenagem que fazes com este belo poema. Parabéns Pedro!

    Abraços,

    Furtado

    ResponderExcluir
  16. Uma bonita homenagem a um poeta de quem, (confesso a minha ignorância) nunca li nada.
    Abraço

    ResponderExcluir
  17. Grande Jorge Luis Borges, escritor e poeta, Presidente da Sociedade Argentina de Escritores, Diretor da Biblioteca nacional, Membro da Academia Argentina de Letras, professor universitário e conferencista. Recebeu diversas distinções literárias, como o título de Professor Honoris Causa das Universidades de Columbia, Yale, Oxford, Michigan, Santiago do Chile, Sorbonne e Harvard. E para las seis cuerdas (1965) reuniu as famosas milongas borgeanas, algumas delas musicadas por Astor Piazzolla, como a famosa Jacinto Chiclana. Também foi um grande conhecedor da Mitologia.
    Sei de tua admiração por esse grande escritor e poeta que aqui trazes para homenageá-lo belamente! Achei divina tua homenagem!

    Beijinho daqui do lado!

    ResponderExcluir
  18. Durante largo tiempo prescindí de leer a Borges después de visionar una entrevista donde me pareció un tipo engreído y elitista que intentaba aparentar humildad.
    Muchos años después cayó en mis manos un librito con algunos relatos suyos, excelentes, y desde entonces he leído algo más. Al fin y al cabo, un escritor y poeta no me interesa para ser su amiga, sino para que me transmita una historia que me haga pensar...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Me faltó decir que el excelente poema dedicado por usted a Borges resalta las cualidades que yo no supe ver en él.
      Saludos.

      Excluir
  19. Bela e sentida homenagem.
    Um grande abraço
    Maria de
    Divagar Sobre Tudo um Pouco

    ResponderExcluir
  20. Bom dia Pedro
    Uma linda homenagem ao poeta e escritor Jorge Luís Borges. Um feliz fds para vocês. Grande abraço.

    ResponderExcluir
  21. En su recuerdo, le has dedicado un bello poema, hay personas que, aunque ya no estén entre nosotros, las huellas que han dejado con sus letras, son imborrables.
    Cariños y buen fin de semana.
    kasioles

    ResponderExcluir
  22. Biblioteca que se preze não poderá dispensar Borges
    um escritor e poeta de culto.

    "nave de luz, a conduzir raro ser" - uma síntese perfeita de uma enorma personalidade literária.

    gostei muito do poema, caro amigo

    grande abraço

    ResponderExcluir
  23. Un bonito homenaje al gran maestro, Borges.
    Abrazos

    ResponderExcluir
  24. Pedro Luso
    Recordar José Luis Borges, em poesia ou de outra forma, é prestar homenagem a um grande vulto das letras.
    Abraço

    ResponderExcluir
  25. Pedro,

    Fiquei emocionada com esta homenagem ao
    mestre (poeta e escritor) Borges, eu nutro uma
    admiração imensa pela literatura, poesia,cultura,
    erudição e personalidade dele. Uma das maiores
    referências da literatura de alto nível e
    de excelência poética, indispensável a leitura
    de suas obras, o conhecimento dele profundo sobre
    simbologia, vou parar, senão fico a listar a
    qualificações deste singular Escritor e
    Poeta Jorge Luis Borges.
    Parabéns, meu caro amigo por este
    poema ímpar de homenagem, perfeição na
    expressividade poética:
    "Poeta agudo, pleno de humanidade,
    Borges contista com os seus labirintos,
    longos voos no céu da mitologia,
    leitor fiel, intenso, a garimpar sonhos."
    Grata por este momento aqui...
    Beijo.

    PS: Depois com mais tempo e calma voltarei para comentar
    o teu outro poema anterior, meu amigo.

    ResponderExcluir
  26. Merecida homenagem...um grande escritor de inteligência rara.
    Um abraço

    ResponderExcluir
  27. Pedrão, este é o cara! Fiquei muito chocado ao ler certa vez que coincidentemente, (e isso acontece: duas pessoas pensarem e inventar a mesma coisa quase que ao mesmo tempo, como a invenção do avião), que Jorge Luiz Borges produziu texto similar ao de um pensador americano (parece ter sido Emerson) onde dizia que "se eu tivesse que nascer de novo faria exatamente a mesma coisa. Erraria mais"... E com isso supunham ter sido plágio e não foi, mas por um bom tempo duvidaram se seria ou não plágio. Contudo esse incidente não empanou o brilho glorioso desse grande escritor. Parabéns pelo poema e postagem, amigo! Grande abraço. Laerte.

    ResponderExcluir
  28. Uma belíssima homenagem, a um grande autor, que não conheço tanto, quando desejaria... por enquanto, pelo menos, devo confessar!...
    Apenas me apercebi da sua escrita profunda e tocante, em alguns... poucos... poemas, que li...
    Um grande abraço! Feliz domingo!
    Ana

    ResponderExcluir
  29. Olá, Pedro!
    Bela homenagem ao grande poeta e escritor Jorge Luis Borges.
    É dele esta frase magnífica: "O tempo é a substância de que sou feito."
    Valeu, poeta!
    Abraço.

    ResponderExcluir
  30. Também aprecio sobremodo a poesia de Luís Borges e já o publiquei e traduzi.
    O seu poema está brilhante, pela precisão, síntese e beleza lírica.
    Um abraço de parabéns e amizade.
    ~~~~~

    ResponderExcluir
  31. Borges, un ejemplo a seguir, un pensar profundo y crítico, alguien que marcó toda una tendencia.
    Saludos desde cristaldeestrella.blogspot.com o planetasdecristal.blogspot.com

    ResponderExcluir
  32. Un bellísimo Homenaje a nuestro querido Borges.
    Muchas gracias

    ResponderExcluir
  33. Amigo Pedro! Passando para te cumprimentar e desejar uma ótima semana com muita saúde e paz para ti e para os teus.

    Abraços

    Furtado

    ResponderExcluir
  34. Boa tarde, Pedro,
    excelente homenagem ao Borges, versos que contam a história sofrida desse poeta que virou contista por conta da falta de luz nos olhos.
    "Os olhos de Borges viam tão só brumas,
    ausentes os seus dias claros de sol",e como ele bem disse, não fosse isso não seria contista.Gosto muito do trabalho dele. Vale rever sempre, gostei muitíssimo do seu registro. Tenha uma linda semana, abraço!

    ResponderExcluir
  35. Así es, Pedro, él veía con los ojos del alma.

    Un abrazo.

    ResponderExcluir
  36. Uma homenagem que honra e divulga um grande escritor. E que claridade no Veredas, amigo Pedro!

    Beijinho.

    ResponderExcluir
  37. Uma encantadora e sábia homenagem, parabéns!
    Abraços!

    ResponderExcluir
  38. Olá amigo Pedro., por Deus que o privado da luz tem a sensibilidade e o mundo nas digitais, e toda luz que falta em seus olhos, torna-o intenso e com ee não foi diferente. Linda homenagem!
    És também um dotado de sensibilidade poética!
    Abração Pedro!

    ResponderExcluir
  39. Para o iluminado uma homenagem bem à altura do Borges.
    Esta é uma daquelas que Deus vem e põe sua mão sobre a do poeta.
    Viva Borges!
    Viva Pedro Luso.
    Abraços amigo.

    ResponderExcluir

LOGO O SEU COMENTÁRIO SERÁ PUBLICADO.

OBRIGADO PELA VISITA.

PEDRO LUSO