>

12 de jun. de 2022

[Poesia] SANTO CASAMENTEIRO – Pedro Luso de Carvalho

 

Basílica de Santo Antônio de Embaré - Santos - SP/Brasil



SANTO CASAMENTEIRO

Pedro Luso de Carvalho




Maria espera que toquem os sinos,

os sinos que a missa anunciará.

Maria traz no peito a fé qual hino,

fé ardente que sempre viverá.



Maria reza diante do altar,

ajoelhada como faz há anos,

o seu Santo Antônio para adorar,

liberta de medo e de desengano.



Tal é a sua crença em Santo Antônio,

por esses tantos anos que espera,

que lhe reserva o melhor matrimônio.

Maria já sente viver nova era.



Maria aguarda com serenidade,

entre suas preces tantas e planos.

Santo Antônio por piedade,

resguardará Maria dos enganos.





_____________________//____________________






28 comentários:

  1. Genial y divertido poema. Te mando un beso.

    ResponderExcluir
  2. Os santos populares que me deram o nome.
    O João e o Pedro.
    Abraço, boa semana

    ResponderExcluir
  3. Caro Pedro,
    Pobrezinho do Santo Antônio (dito popularmente casamenteiro), que acaba sempre afogado de ponta-cabeça, dentro de um copo d'água, nas simpatias nada simpáticas, das “Marias enamoradas”, que amarram no sutiã uma fita vermelha (durante toda semana), na esperança de desencalhar suas solteirices.
    Um abraço e boa semana!!!

    ResponderExcluir
  4. Pedro,
    É fé que move
    montanhas e mantém
    Maria de pé.N verdade não
    somente Maria.
    Quando jovem fiz parte uma simpatia:
    Escrevi letras em pedaços de papéis
    e dobrei bem, era véspera do dia
    de Santo Antônio. No dia seguinte apenas um papel
    deveria estar aberto.
    A letra do nome de quem eu me casaria dia.
    A letra foi a A e meu esposo
    tem exatamente o nome com essa inicial Nome e Sobrenome.
    Adorei ler.
    Bjins
    CatiahoAlc.

    ResponderExcluir
  5. Hola Pedro, creo haber entendido que María seguirá esperando, porque San Antonio la protege de un mal matrimonio... Más vale así, :)))
    Me resultó muy simpático tu poema según lo entendí.
    Un abrazo y que tengas una buena semana.

    ResponderExcluir
  6. Que a prece da Maria a Santo António seja atendida e ela encontre uma amor verdadeiro. Gostei deste poema sobre o Santo António casamenteiro.
    Tudo de bom, meu Amigo Pedro.
    uma boa semana.
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  7. Hoje, Dia de Santo António.
    Ontem foi o dia das "Noivas de Santo António",
    perpetuando o adágio de "Santo Casamenteiro".
    É Santo António de Lisboa, mas também de
    Pádua. A história da sua vida esclarece-nos nesse
    sentido.
    E neste seu poema nos espraiamos e sentimos a
    aura deste dia, com sardinhadas e manjericos. :)
    e Marchas que decorreram na noite ontem. Neste ano
    o prémio foi para o Bairro da Madragoa.
    Abraço
    Olinda

    ResponderExcluir
  8. Un cálido poema el suyo a San Antonio, el Casamentero.
    La Fe es un don envidiable.
    Te lleva a la conformidad, te aparta de la desesperación. Te acuna esperando la Esperanza que nunca decae. Hasta incluso aguardando el Amor, por mucho que tarde, confías en su llegada.
    Saludos, Pedro.

    ResponderExcluir
  9. Que linda basílica e tua poesia muito inspirada. Tantas esperam o marido e coitado do São Toninho até de cabeça pra baixo num copo fica,rs... abração, linda semana! chica

    ResponderExcluir
  10. María espera un milagro, ya que aún no ha encontrado marido.
    Feliz fin de semana, Besos.

    ResponderExcluir
  11. Olá, amigo Pedro,
    Um interessante e humoristico poema, que evoca os Santos populares.
    Gostei de ler.
    Votos de uma excelente semana, com muita saúde.
    Abraço amigo.

    Mário Margaride

    http://poesiaaquiesta.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Muito bom. Adorei :))
    .
    Emoções esvoaçando no areal...

    Beijos. e uma excelente semana.

    ResponderExcluir
  13. Olá, amigo Pedro!
    Linda Basílica e magnífico poema!
    Santo Antônio já sofreu muito para arranjar noivos para as Marias!
    Acho que os jovens de hoje estão deixando o Santo em paz.

    Tenha uma ótima semana.
    Beijinhos.

    ResponderExcluir
  14. Linda a Basílica, Pedro. Posso estar enganada, mas há um certo humor em seus versos. Talvez porque mencione muitos anos de prece e de espera. É certo que várias Marias conservam essa esperança, como se não pudessem ser felizes sozinhas. Coitado de Santo Antônio!! Abraço.

    ResponderExcluir
  15. La Basilica preciosa y tus versos a S, Antonio muy logrados, ¿llegará Maria a conseguir su pedido en la oración?
    Un abrazo Pedro

    ResponderExcluir
  16. Preciosa basílica.
    Y un estupendo poema.
    Un beso. Feliz semana.

    ResponderExcluir
  17. Santo Antonio, salve! um Santo dos mais queridos porque entende a alma humana no seu desejo de amar, que faz crescer a esperança de felicidade, que faz a ponte entre o humano e o divino! mais próximo das aspirações e preocupações humanas.... por isso tão querido!
    Um abraço

    ResponderExcluir
  18. Coitado do Santo Antônio. O dia dele é o que lhe dá mais trabalho. Belo poema Pedro. Parabéns!

    Abraços,

    Furtado

    ResponderExcluir
  19. Aquí el día de los enamorados es el día de San Valentín. Pero también tiene fama San Antonio de casamentero en varías ocasiones escuche decir a mi madre una historia sin ser real de una madre que hacía lo mismo que la protagonista de tu poesía pero para su hija. Un día el sacristán un tanto contrahecho con una voz como si fuese del mas allá la dice "cásala con el sacristán que es guapo galán" días después todos los halagos que hacía al santo se volvieron reproches.

    Saludos.

    ResponderExcluir
  20. Ahhh Santo Antonio será que Maria vai casar?
    Depois de tantos anos
    a boa Maria haverá de cansar
    Risos...
    Abraços, da Gue.
    https://escritoressemfronteiras2.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  21. Boa noite, Pedro!

    Em dias difíceis, de grande confusão e mentiras... Santo Antônio há de firmar as Marias nesta crença.

    Gostei do poema que insinua humor.

    Abraço.

    Renata

    ResponderExcluir
  22. Tomara Santo Antônio não demore atender o pedido de Maria.
    Lindo poema, Pedro.
    Tenha um excelente fim de semana.
    Um grande abraço
    Verena

    ResponderExcluir
  23. Gostei deste poema ao Santo António casamenteiro.
    Um abraço e tenha um bom fim-de-semana.

    Andarilhar
    Dedais de Francisco e Idalisa
    Livros-Autografados

    ResponderExcluir
  24. Maria tem a sua Fé no Santo
    Porque quer um Marido rico e bom.
    Terá de se manter com esse encanto
    Para poder casar no São João.


    Abraço e Parabéns, Luso de Carvalho.
    SOL da Esteva

    ResponderExcluir
  25. Boa tarde Pedro
    A fé de Maria talvez lhe traga algum desengano, mas enquanto espera, talvez o destino lhe traga alguma surpresa.
    Gostei do que li, muito bem rimado e com uma foto deveras bonita de um templo dedicado a Santo António o Santo casamenteiro como é conhecido.
    Tenha um bom fim-de-semana com muita saúde.
    Um beijo
    :)

    ResponderExcluir
  26. Boa tarde de sábado, amigo Pedro!
    Gostei muito do nome escolhido para Maria, os desenganos precisam de muita fe orações para libertação.
    Na certa, a intercessão poderosa do santo será eficiente.
    Um poema excelente para o mês do santo padroeiro de tantos lugares e igrejas.
    A humildade dele o faz grande.
    Tenha um final de semana abençoado!
    Abraços fraternos de paz e bem

    ResponderExcluir
  27. Basílica belíssima e a poesia encantadora! Sou uma das Marias que ficam no aguardo da ação do casamenteiro rsrsrsrsrs
    Abraços fraternos!

    ResponderExcluir
  28. Um Santo... com uma tarefa nada fácil...
    Pobre Maria... se o Santo entender, que ela ficará melhor só... do que mal acompanhada!... :-))
    Adorei o poema, que subtilmente, nos remete para um final, que pode conduzir a várias leituras!
    Beijinhos
    Ana

    ResponderExcluir

LOGO O SEU COMENTÁRIO SERÁ PUBLICADO.

OBRIGADO PELA VISITA.

Pedro Luso de Carvalho