>

10 de abr de 2010

MACHADO DE ASSIS / Soneto de Natal



                    por Pedro Luso de Carvalho


        Joaquim Maria Machado de Assis nasceu no Rio de Janeiro, em 21 de junho de 1839, onde faleceu, no dia 29 de setembro de 1908. Seu sepultamento deu-se no Cemitério São João Batista, com grandes homenagens, oficial e pública.





                      
                    SONETO DE NATAL

                                              (Machado de Assis)

       

        Um homem, - era aquela noite amiga,
        Noite cristã, berço do Nazareno, -
        Ao relembrar os dias de pequeno,
        E a viva dança, e a lépida cantiga.


        Quis transportar ao verso doce e ameno
        As sensações da sua idade antiga,
        Naquela mesma velha noite amiga,
        Noite cristã, berço do Nazareno.


        Escolheu o soneto... A folha branca
        Pede-lhe a inspiração; mas, frouxa e manca,
        A pena não acode ao gesto seu.


        E, em vão lutando contra o metro adverso,
        Só lhe saiu este pequeno verso:
        “Mudaria o Natal ou mudei eu?” 



                                 *  *  *  *  *  *

Um comentário:

  1. Ou mudaria o natal ou mudei eu?
    As pessoas mudam para poder evoluir.
    Muito bom.
    Beijos!

    ResponderExcluir

LOGO O SEU COMENTÁRIO SERÁ PUBLICADO.

OBRIGADO PELA VISITA.

PEDRO LUSO